Cine Itaipava de 27/04 a 03/05

No dia 01/05 não funcionaremos. 

PREÇOS

PREÇOS (PARA FILME 2D)
TERÇAS TODO MUNDO PAGA MEIA: R$ 12,00
QUA / QUI / SEX: INTEIRA R$ 24,00
SÁBADO, DOMINGO E FERIADOS: INTEIRA R$ 28,00

VÉSPERA DE FERIADOS E SEUS PROLONGAMENTOS R$ 28,00

SESSÃO ESPECIAL INTEIRA R$ 32,00
ADICIONAL OBRIGATÓRIO PARA FILME 3D (ALUGUEL ÓCULOS 3D): INTEIRA R$ 4,00

NÃO ACEITAMOS CARTÕES DE CRÉDITO

Cine Itaipava: (24) 2222-3424

OS SMURFS E A VILA PERDIDA 3D

14:30H E 16:30H TERÇA À DOMINGO

(DUBLADO)  (Animação, Comédia ). dur. 89min. A partir de 3 anos

SINOPSE: Smurfette não está contente: ela começa a perceber que todos os homens do vilarejo dos Smurfs têm uma função precisa na comunidade, menos ela. Indignada, ela parte em busca de novas descobertas, e conhece uma Floresta Encantada, com diversas criaturas mágicas. Enquanto isso, o vilão Gargamel segue os seus passos.

 

 

 

 

 

 

 

FILME:  SILÊNCIO

Direção: Martin Scorsese

Indicado para o Oscar 2017 de Melhor Fotografia.

18:30H  (LEGENDADO) TERÇA À DOMINGO

(Drama). dur. 161min.

Não recomendado para menores de 14 anos

SINOPSE: Século XVII. Dois padres jesuítas portugueses, Sebastião Rodrigues (Andrew Garfield) e Francisco Garupe (Adam Driver), viajam até o Japão em uma época onde o catolicismo foi banido. À procura do mentor deles, padre Ferreira (Liam Neeson) os jesuítas enfrentam a violência e perseguição de um governo que deseja expurgar todas as influências externas.

 

 

 

 

 

 

 

FILME:  HIROSHIMA, MEU AMOR

SESSÃO CLÁSSICOS CINE ITAIPAVA

 

O Cine Itaipava tem o prazer de apresentar Hiroshima Meu Amor, obra-prima do diretor francês Alain Resnais em cópia restaurada em 4k. Hiroshima foi o primeiro longa de ficção de Alain Resnais e uma referência da sua obra. Um dos marcos inaugurais da nouvelle vague francesa, lançado no Festival de Cannes de 1959.

 

SESSÃO EXTRA DIAS 28/04 E 29/04 AS 21:30

(LEGENDADO)

 

(Drama). dur. 92min.

Não recomendado para menores de 12 anos

SINOPSE: Um encontro ocasional em Hiroshima faz surgir um romance entre um arquiteto japonês (“ele”) e uma atriz francesa (“ela”) que está na cidade participando de um filme sobre a paz. A relação amorosa constitui a base para Resnais explorar a natureza da memória, da experiência e da representação. Além de amantes, eles também se tornam confidentes, o que traz a memória de uma história, nunca contada antes, do primeiro amor dela. Durante a Segunda Guerra Mundial, em Nevers, ela se apaixonou por um soldado alemão. No dia em que a cidade foi libertada, ele foi baleado e morto e ela submetida à humilhação e a desonra pública.Hiroshima foi o primeiro longa de ficção de Alain Resnais e uma referência da sua obra.